Teresa de Calcutá será canonizada neste domingo


No 19º aniversário de sua morte, neste domingo, 4 de setembro, Madre Teresa de Calcutá será elevada à glória dos santos. A fundadora das Missionárias das Caridade, congregação dedicada a cuidar das pessoas mais pobres, e Prêmio Nobel da Paz em 1979, será canonizada pelo Papa Francisco.

Definindo Madre Teresa como um “ícone da misericórdia de Deus, o Papa decidiu canonizá-la este ano. No artigo “Samaritana da misericórdia. Madre Teresa e os Papas”, publicado no L’Osservatore Romano, Lush Gjergji, fala que o Papa Francisco e a Beata Madre Teresa “são espiritualmente duas ‘lmas gêmeas’, porque a orientação deles e comportamento evangélico é baseado na simplicidade, humildade, pobreza, mas sobretudo na fé e no amor. “Na Encíclica Lumen fidei o Papa escreve: “A luz da fé não nos faz esquecer os sofrimentos do mundo. Os que sofrem foram mediadores de luz para tantos homens e mulheres de fé; tal foi o leproso para São Francisco de Assis, ou os pobres para a Beata Teresa de Calcutá. Compreenderam o mistério que há neles; aproximando-se deles, certamente não cancelaram todos os seus sofrimentos, nem puderam explicar todo o mal. A fé não é luz que dissipa todas as nossas trevas, mas lâmpada que guia os nossos passos na noite, e isto basta para o caminho”, escreveu.

Anjezë Gonxhe Bojaxhiu nasceu em 1910, em Skopje, atual capital da República da Macedônia (situada na antiga Iugoslávia), e faleceu em setembro de 1997.



Segundo as normas da Igreja Católica, uma pessoa precisa ter dois milagres oficialmente reconhecidos para se tornar um santo. O primeiro milagre de Madre Teresa teria acontecido em 1998, quando uma mulher com câncer no estômago na Índia ficou curada depois que seus cuidadores passaram a rezer para a religiosa de origem albanesa. Por conta disso, em 2003, o Papa João Paulo II beatificou Madre Teresa.

Já em dezembro do ano passado, o Papa Francisco reconheceu o segundo milagre da beata. De acordo com ele, em 2008, um brasileiro de então 35 anos foi curado de tumores no cérebro depois que sua mulher recebeu uma medalhinha de Madre Teresa e rezou para ela. Em estágio terminal, o marido estava internado num hospital em Santos, onde seria operado, mas apresentou melhora súbita. Ele foi, então, submetido a nova tomografia, que não encontrou nenhum tumor no cérebro.

O brasileiro  é  Marcilio Haddad Andrino, um engenheiro paulista, hoje, com 42 anos, residindo com a família no Rio de Janeiro, onde trabalha como funcionário público federal, algo que não pensou que pudesse ser possível.

Outro milagre em sua vida aconteceu quando o médico disse que não tinham possibilidade de ter filhos porque os medicamentos que ele tomou interfeririam nisso. Mas eles pediram a Madre Teresa e têm dois filhos perfeitos.

O Padre Caetano Rizzi, promotor de Justiça no processo diocesano que avaliou o caso do miraculado por intercessão de Madre Teresa, afirmou que o homem está bem de saúde, leva uma vida normal, tem dois filhos e até passou em 1º lugar num concurso público. “O miraculado estava nesta época do ano, em 2008, passando lua de mel em Gramado (RS), que é a minha cidade natal. Lá em Gramado, ele se sentiu mal e foi levado às pressas a Santos, a sua cidade, onde foi internado praticamente em coma, com morfina porque sentia muitas dores. O médico levou-o imediatamente ao centro cirúrgico porque a tomografia acusava oito abcessos no cérebro. Enquanto ele estava na mesa cirúrgica, o médico constatou a falta de um dreno para retirar o líquido que estava se acumulando. Enquanto o médico buscava o dreno, o paciente voltou a si e perguntou: “o que estou fazendo aqui?”. Porque antes de ser internado, a sua esposa, que é catequista da paróquia e que é muito católica, chamou o pároco para administrar o sacramento da Unção. O Padre Almiran foi até o hospital, administrou o Sacramento e deu a eles uma medalhinha de Madre Teresa e disse: rezem a Madre Teresa que ela vai alcançar a graça para vocês. Eles imediatamente rezaram e colocaram a medalhinha embaixo do travesseiro do paciente, do miraculado. No dia seguinte, ele foi embora: quem deveria sair de lá morto… Porque o médico disse à esposa: vá para a sua casa, traga os documentos e as roupas porque infelizmente não temos mais o que fazer. E o médico, constatado tudo, no Tribunal, disse: eu não sei explicar. A ciência não tem uma palavra para explicar o que aconteceu. De 17 pacientes que eu tratei nesta área, 16 morreram. Somente este sobreviveu. E o médico não é cristão”, contou o padre.



A Fundadora das Missionárias da Caridade absorveu o estilo de vida bengali e se dedicou aos pobres e doentes de hanseníase trabalhando nas ruas de Calcutá sempre com seu sari branco debruado de azul, a imagem com que o mundo se habituou a vê-la.

A Congregação cresceu rapidamente e hoje conta cerca de 4,5 mil religiosas em mais de 130 países, nos quais mantém cerca de 700 casas dedicadas a ajudar os mais desfavorecidos.

Após o assassinato das quatro missionárias em Áden, no Iêmen, na sexta-feira (04/03), as Missionárias da Caridade comunicaram na segunda-feira que não abandonarão sua obra no país do Oriente Médio, e continuarão a servir os pobres e necessitados. Além das quatro irmãs, outros 10 colaboradores locais da comunidade foram mortos. Duas das missionárias mortas eram de Ruanda, outra da Índia e a quarta do Quênia. A superiora do convento conseguiu escapar com vida, como também todos os idosos e deficientes que eram hospedados e atendidos na comunidade.

“Madre Teresa sempre esteve nos rincões mais remotos do mundo, independentemente da situação”, recordaram em Calcutá, na Casa-mãe da Congregação, onde as religiosas celebraram uma Eucaristia em sufrágio de suas 4 irmãs mortas no ataque dos fundamentalistas islâmicos.

Oração composta por Madre Tereza de Calcutá

Mantenha seus olhos puros para que Jesus possa olhar através deles.
Mantenha sua língua pura para que Jesus possa falar por sua boca.
Mantenha suas mãos puras para que Jesus possa trabalhar com suas mãos.
Mantenha sua mente pura para que Jesus possa pensar seus pensamentos em sua mente. Mantenha seu coração puro para que Jesus possa amar com seu coração.
Peça a Jesus para viver sua própria vida em você porque:
Ele é a Verdade da humildade.
Ele é a Luz da caridade.
Ele é a Vida da santidade.
Madre Teresa de Calcutá




CONHEÇA A NOVA SANTA!
http://www.franciscanos.org.br/?p=106013


Teresa de Calcutá será canonizada neste domingo Teresa de Calcutá será canonizada neste domingo Reviewed by Juventude Franciscana Florianópolis on 3.9.16 Rating: 5

Nenhum comentário:

Deixe aqui o seu comentário! A Juventude Franciscana alegre-se em receber sua mensagem! Gratidão! Paz e Bem.

Jéssica Pires